Image Image Image Image Image
/ /
Scroll to Top

Para o Topo

Notícias

22

Nov
2018

EmNotícias

Por mais espaços de encontro e construção coletiva: os dois projetos da Argentina selecionados no Edital de Apoio a Redes 2018

Em22, Nov 2018 | EmNotícias |

 

Nome do evento e da rede/articulação: Feria Regional “La Semilla de la Cultura Viva”

Organização responsável: Cooperativa de Trabajo Cachalahueca

 

“La Semilla de la Cultura Viva” (“A semente da Cultura Viva”), projeto apresentado por três Pontos de Cultura da Argentina (Fundación Mate Cocido, Cooperativa de Trabajo Cachalahueca e Asociación Civil Be. Pe. Bienaventurados Los Pobres), é uma feira-mercado cultural que será realizada em três cidades: San Fernando del Valle de Catamarca (em fevereiro), San Miguel de Tucumán (em março) e Medanitos – Fiambalá, Catamarca (em abril).

Estas feiras permanecerão em cada cidade durante três dias (de sexta a domingo), nos espaços dos organizadores e no espaço público, com oficinas, rodas de conversa, espetáculos artísticos, rádio aberta, mostras e produção de audiovisuais, além de encontros de Pontos de Cultura, entre outras atividades.

Ainda que a estrutura seja a mesma, algumas atividades mudarão conforme o lugar, configurando diferentes eixos temáticos. Em Catamarca, por exemplo, um desses eixos será “Carnaval, encontro e festejo de comunidades”. No caso de Tucumán, o eixo será “Mulheres, transformando a cultura”, e em Medanitos, “Despertar da semente, pela germinação de uma cultura comunitária”.

O projeto tem como objetivo fortalecer o vínculo e a articulação dos três Puntos de Cultura organizadores, e somar outros espaços e organizações de cultura comunitária a este trabalho colaborativo, com vistas a formar uma rede regional “Semillas de la Cultura Viva”. Também pretende criar um espaço de exposição das produções da cultura comunitária, da economia social solidária, e da identidade cultural da região, assim como espaços de capacitação e intercâmbio de saberes e experiências.

A proposta busca, ainda, fortalecer o debate e a ação nos eixos temáticos relacionados aos três Pontos de Cultura organizadores: cultura comunitária, gênero, comunicação, identidade cultural, protagonismo social,  participação cidadã, cuidado com o meio ambiente e arte para a transformação social.

A família Cachalahueca

 

Nome do evento: Fortalecimiento de la Mesa Reconquista “Crece desde el pie”

Nome da rede/articulação: Mesa Reconquista

Organização responsável: Asociación de Mujeres La Colmena-FM Reconquista

 

A Mesa Reconquista é uma experiência organizativa, propositiva, de ação e reflexão, que reúne diversas organizações sociais e instituições da zona norte do conurbano de Buenos Aires. Criada em 2011, a articulação é formada por associações de bairro, bibliotecas e escolas populares, centros culturais, jardins comunitários, associação de mulheres, rádio comunitária, empresas recuperadas, cooperativas de trabalho, ordens religiosas e igrejas.

Esta multiorganização foi constituída para construir um olhar comum sobre as prioridades da região. É um espaço de encontro e construção coletiva em que se discutem problemáticas e necessidades concretas, se estabelecem prioridades e se desenham possíveis iniciativas para atendê-las.

A proposta apresentada ao Edital IberCultura Viva de Apoio a Redes 2018, “Fortalecimento da Mesa Reconquista”, inclui um encontro (em forma de retiro de reflexão para a tomada de acordos e consensos, para 50 pessoas), duas rodas de conversa para intercâmbio de experiências, e dois festivais artísticos e multimídia, com a participação das instituições da rede. Também está previsto o lançamento de um programa de rádio sobre políticas de cultura de base comunitária, com concurso de spots e votação do público ouvinte.

As atividades são destinadas a cerca de 5.300 pessoas, entre os sócios das organizações da Rede Mesa Reconquista e seus familiares, e os vizinhos dos bairros onde estão inseridas estas organizações — e onde se trabalha para a concretização de direitos e o desenvolvimento integral das comunidades.

Um dos objetivos do projeto é gerar confluência e associatividade das organizações para um maior impacto cultural e social da rede, assim como potencializar sua visibilidade, com destaque para as produções audiovisuais. Além de registrar os encontros, rodas de conversa e festivais, pretende-se difundir estas produções audiovisuais pelas redes sociais para promover a ideia de que “La cultura popular y comunitaria crece desde el pie”.

Saiba mais sobre a Associação de Mulheres La Colmena-FM Reconquista: http://www.fmreconquista.org.ar/

Saiba mais sobre Cachalahueca: http://cachalahueca.com/