Image Image Image Image Image
/ /
Scroll to Top

Para o Topo

redes

09

Oct
2018

EmDestaque
EDITAIS
Notícias

PorIberCultura

89 candidaturas são habilitadas no Edital de Apoio a Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo

Em09, Oct 2018 | EmDestaque, EDITAIS, Notícias | PorIberCultura

O programa IberCultura Viva anunciou nesta segunda-feira (15/10) a lista definitiva de candidaturas habilitadas a seguir no processo de seleção do 1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018, após o prazo e análise de recursos. Cinco pedidos de reconsideração da avaliação foram aceitos. A lista inicial de candidaturas habilitadas, publicada na última terça-feira (09/10), contava com 84 projetos. Após a análise dos recursos (o prazo terminou na sexta-feira, 12), passou para 89.

A lista de candidaturas habilitadas reúne organizações/coletivos dos 11 países integrantes do programa IberCultura Viva. São 34 do Brasil, 24 da Argentina, 5 do Equador, 5 do Peru, 4 de El Salvador, 4 da Guatemala, 4 do México, 3 do Chile, 2 da Costa Rica, 2 do Uruguai e 1 da Espanha.

Durante o período de inscrições, iniciado em 15 de agosto e encerrado em 3 de outubro, foram enviados 110 projetos à plataforma Mapa IberCultura Viva. Aqueles que tiveram a candidatura não habilitada foram, em sua maioria, por falta de cartas avais e de certificado de pessoa jurídica, ou por não cumprir com os requisitos, como o de reunir três ou mais organizações em rede.

Os projetos habilitados seguem para a próxima etapa do edital, em que serão avaliados pelos representantes dos países membros do Conselho Intergovernamental. O resultado da seleção final será divulgado antes de 31 de outubro.

Na seleção, serão levados em conta critérios como a adequação aos objetivos estratégicos do programa IberCultura Viva; os impactos artístico-culturais, econômicos e/ou sociais da proposta; a experiência da rede ou coletivo proponente; a quantidade e diversidade de organizações e/ou coletivos que compõem a rede ou coletivo; a pertinência das estratégias e objetivos em relação aos resultados esperados, e a adequação do orçamento e a viabilidade do plano de trabalho.


O edital

O 1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018 distribuirá um total de US$ 85 mil para a realização de encontros, congressos, seminários, festivais, feiras, colóquios e simpósios promovidos entre novembro de 2018 e maio de 2019, com entrada livre e gratuita. Cada projeto poderá receber até US$ 5 mil.

O objetivo é apoiar eventos cuja forma de gestão se dê a partir da articulação e do trabalho conjunto de organizações, coletivos culturais e povos originários, que fortaleçam a gestão cultural local e que busquem fomentar, enriquecer, fortalecer e/ou visibilizar produções culturais comunitárias tanto no campo artístico como para a construção de cidadania e a valorização das identidades dentro do Espaço Cultural Ibero-americano.


(*Texto atualizado em 15 de outubro de 2018)

 

Confira a lista definitiva de candidaturas habilitadas:

Informação aos Interessados II – Etapa de Habilitação – 1º Edital de Apoio a Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo – Lista definitiva

 

Leia também:

Informação aos Interessados I – Etapa de Habilitação – 1º Edital de Apoio a Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo

Edital para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018: inscrições abertas

Nova plataforma do programa IberCultura Viva busca integrar e dar visibilidade a organizações comunitárias da Ibero-América

 

 

 

Tags | , ,

29

Sep
2018

EmNotícias

PorIberCultura

Ampliado o prazo de inscrições do Edital para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018

Em29, Sep 2018 | EmNotícias | PorIberCultura

O programa IberCultura Viva ampliou até quarta-feira, 3 de outubro, às 23:59 (horário de Brasília), o prazo de inscrições do 1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018.

A iniciativa é dirigida a organizações e coletivos de cultura comunitária e povos originários que trabalham em articulação com ao menos outras três organizações/ coletivos culturais nos países integrantes do programa: Argentina, Brasil, Costa Rica, Chile, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, México, Peru e Uruguai.

O edital apoiará a realização de encontros, congressos, seminários, festivais, feiras, colóquios e simpósios promovidos entre novembro de 2018 e maio de 2019, com entrada livre e gratuita. Cada projeto poderá receber até US$ 5 mil.

As inscrições são feitas exclusivamente por meio da plataforma Mapa IberCultura Viva (https://mapa.iberculturaviva.org/). Os representantes de organizações/coletivos devem inscrever-se inicialmente na plataforma como agentes individuais (pessoas físicas) e depois fazer o registro de agente coletivo, com os dados de sua organização comunitária. (Primeiro é necessário cadastrar-se na plataforma como agente cultural. Depois se faz a inscrição no edital.)

 

Saiba mais sobre como registrar-se no mapahttp://iberculturaviva.org/manual/

Veja o regulamento do edital: https://bit.ly/2zDUaNK

Consultas: programa@iberculturaviva.org

 

Leia também:

Edital para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018: inscrições abertas

Nova plataforma do programa IberCultura Viva busca integrar e dar visibilidade a organizações comunitárias da Ibero-América

 

Tags | , ,

15

Aug
2018

EmEDITAIS
Notícias

PorIberCultura

Edital para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018: inscrições abertas

Em15, Aug 2018 | EmEDITAIS, Notícias | PorIberCultura

Organizações e coletivos de cultura comunitária e povos originários que trabalham em articulação e de maneira colaborativa nos países integrantes do programa IberCultura Viva têm até o dia 30 de setembro para inscrever-se no 1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018.

A iniciativa busca fortalecer o trabalho e fomentar a articulação das redes culturais de base comunitária e projetos de trabalho colaborativo a partir do apoio à realização de encontros, congressos, seminários, festivais, feiras, colóquios e simpósios.  Os eventos apresentados poderão ter alcance municipal, estadual, nacional ou regional, e deverão ser realizados entre novembro de 2018 e maio de 2019, com entrada livre e gratuita.

Será destinado o valor total de US$ 85 mil. Cada projeto poderá receber até US$ 5 mil, e este aporte poderá ser utilizado somente em gastos de produção e comunicação do evento. As organizações candidatas deverão aportar no mínimo 25% dos custos totais do projeto.

O objetivo do edital é apoiar eventos cuja forma de gestão se desenvolva a partir da articulação e do trabalho conjunto de organizações, coletivos culturais e povos originários, que fortaleçam a gestão cultural local e que busquem fomentar, enriquecer, fortalecer e/ou visibilizar produções culturais comunitárias tanto no campo artístico como para a construção de cidadania e a valorização das identidades dentro do Espaço Cultural Ibero-americano.

Poderão participar organizações e coletivos dos seguintes países: Argentina, Brasil, Costa Rica, Chile, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, México, Peru e Uruguai. As inscrições estão abertas a partir de hoje no Mapa IberCultura Viva (https://mapa.iberculturaviva.org), a nova plataforma colaborativa de mapeamento do programa voltado para as culturas de base comunitária do países ibero-americanos.

 

Nova plataforma

Este é o primeiro edital do programa publicado no Mapa IberCultura Viva. A plataforma, que faz parte do projeto Mapas Culturais, adotado pelo Ministério da Cultura do Brasil (Mapa da Cultura) e pela Direção Nacional de Cultura do Uruguai em 2015 (Cultura en Linea), permite o registro de agentes culturais individuais e coletivos. Por agentes individuais compreendemos as pessoas físicas, e por agentes coletivos, as organizações culturais comunitárias, entidades, povos originários, coletivos, agrupações e instituições.

O 1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018 é destinado aos agentes coletivos. No entanto, recomendamos aos representantes de organizações que se inscrevam inicialmente como agentes individuais (pessoas físicas) e depois façam o cadastro de agente coletivo, com os dados de sua organização comunitária, Ponto de Cultura, etc.

As inscrições serão realizadas somente por meio desta plataforma. Brasileiros interessados em inscrever-se devem buscar em “Editais” o arquivo que aparece com o título em português (“1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018”). Pessoas dos outros países membros do programa devem fazer a inscrição naquele que tem o título em espanhol (“1ª Convocatoria IberCultura Viva para Apoyo de Redes y Proyectos de Trabajo Colaborativo 2018”).

 

Veja o regulamento:

1º Edital IberCultura Viva para Apoio de Redes e Projetos de Trabalho Colaborativo 2018

 

Consultas:

programa@iberculturaviva.org

 

Leia também:

Nova plataforma do programa IberCultura Viva busca integrar e dar visibilidade a organizações comunitárias da Ibero-América

 

Tags | , ,