Image Image Image Image Image
Scroll to Top

Para o Topo.EPara o Topo

Destaque

11

jul
2022

Em Destaque
EDITAIS
Notícias

Rumo ao Peru: como se inscrever no Edital de Mobilidade

Em 11, jul 2022 | Em Destaque, EDITAIS, Notícias |

(Foto: Cultura de Red. 1º Congresso Latino-americano de CVC, Bolivia, 2013)

.

O Edital de Mobilidade 2022 foi lançado pelo programa IberCultura Viva no dia 6 de julho para apoiar a participação de representantes de organizações culturais comunitárias, povos indígenas e comunidades afrodescendentes no 5º Congresso Latino-americano de Cultura Viva Comunitária

O evento será realizado de maneira itinerante, com sedes em Lima (Lima Centro, San Juan de Lurigancho e Ate-Vitarte) e Junín (Huancayo), de 8 a 15 de outubro de 2022. A organização está a cargo do Grupo Impulsor do 5º Congresso, formado por uma rede de diversas organizações de todo o Peru e membro do Movimento Latino-americano CVC. 

O valor total destinado ao Edital de Mobilidade 2022 é de US$ 57.500, que serão distribuídos para compra de passagens aéreas, seguro viagem e inscrição para os/as representantes das organizações ou coletivos selecionados.

O edital estará aberto até o dia 2 de agosto, às 23h59 (considerando o horário de Brasília e Buenos Aires), na plataforma Mapa IberCultura Viva: https://mapa.iberculturaviva.org/opportunity/224 /.

Aqui está um guia para ajudar você a fazer sua inscrição.

.

REQUISITOS

A quem se dirige o edital?

A convocatória é destinada a representantes de organizações culturais comunitárias e/ou povos originários e comunidades afrodescendentes (com certificado de pessoa jurídica emitido pelo órgão competente de cada país) dos países membros do Conselho Intergovernamental do IberCultura Viva: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Espanha, México, Paraguai (país convidado), Peru e Uruguai. 

Cada organização cultural comunitária, povo indígena ou comunidade afrodescendente poderá apresentar apenas um candidato, que deverá ser maior de idade e estar apto a viajar ao Peru entre 8 e 15 de outubro.  

.

Sou representante de uma organização/coletivo sem certificado de pessoa jurídica. Posso participar da convocatória?

No caso de não possuir documentação legal, a organização ou comunidade indígena/afrodescendente deve apresentar uma carta aval do representante do programa IberCultura Viva no país (REPPI). No regulamento da convocatória há uma lista em anexo com os nomes dos/das REPPIs dos país membros. Cada país pode determinar os critérios pertinentes para a emissão da carta aval. 

.

alguma restrição para participar do edital?

Organizações que estejam inabilitadas ou com contas pendentes no programa IberCultura Viva não podem participar. As pessoas que foram beneficiadas mais de uma vez nos Editais de Mobilidade IberCultura Viva também não podem ser selecionadas, exceto a convocatória de 2018, que teve como objetivo apoiar a participação nas Jornadas Preparatórias do 4º Congresso Latino-Americano de Cultura Viva Comunitária.

.

Que documentos devo preencher e/ou enviar?

Além de preencher o formulário de inscrição no Mapa IberCultura Viva, informando os dados do candidato e da organização/povo indígena/comunidade afrodescendente que irá representar, é necessário fazer o upload do passaporte ou documento de identidade necessário para poder entrar no Peru e anexar um currículo do candidato. Este documento deve incluir experiência, trajetória, perfil de atuação dentro da organização cultural comunitária ou indígena/comunidade afrodescendente e em outros espaços de ação cultural, experiência em trabalho em rede, etc. 

Certificados e/ou documentos que comprovem a participação do candidato em instâncias de articulação de redes e circuitos de organizações culturais comunitárias, como os Congressos Latino-Americanos de CVC ou outras iniciativas, devem ser digitalizados e carregados na plataforma Mapa IberCultura Viva. Podem ser anexados até seis certificados por candidato.

É também obrigatório o envio de comprovante do registro legal/pessoa jurídica (CNPJ, no Brasil) e uma carta aval da organização ou coletivo que o requerente representa.

.

O edital menciona três tipos de carta aval. Qual a diferença entre elas?

Todos os candidatos devem enviar uma carta aval das autoridades da organização cultural comunitária ou da comunidade indígena/afrodescendente que representam, autorizando sua inscrição e declarando sua função na organização. Um modelo está disponível na plataforma (tanto no formulário quanto na página inicial da chamada), nas versões em espanhol e português. Esta carta de endosso da organização é obrigatória.

Outro modelo de carta aval disponível na plataforma é a de rede, a ser utilizada no caso de a organização/povo indígena/comunidade afrodescendente se candidatar em nome de uma rede. Esta carta aval deve ser assinada pelas autoridades de cada uma das organizações/povos originários/comunidades afrodescendentes integrantes da rede. (As assinaturas devem ser acompanhadas do nome e sobrenome da pessoa que assina, cargo ou função dentro da organização e nome da organização/povo indígena/comunidade afrodescendente).

Nestes dois casos em que o modelo de carta aval está disponível, é necessário fazer o download do arquivo (para o Brasil, há uma versão em português), preencher os campos obrigatórios, imprimir e coletar as assinaturas dos responsáveis ​​pelo organizações. Este documento assinado deve ser escaneado ou fotografado para ser enviado junto com a ficha de inscrição (há um botão “Enviar” neste campo específico).

O terceiro tipo de carta aval que consta no regulamento do edital é a do REPPI (representante do país perante o programa), caso a organização/coletivo do candidato não possua documentação legal. Neste caso, não há modelo disponível. 

.

INSCRIÇÃO

Como me inscrevo no edital para participar do congresso?

Para se inscrever nos editais do IberCultura Viva, é necessário se cadastrar primeiro como agente no Mapa IberCultura Viva: https://mapa.iberculturaviva.org/

Esta plataforma permite o registro de dois tipos de agentes: individual e coletivo. Por agentes individuais entendemos pessoas físicas, e por agentes coletivos, organizações culturais comunitárias, povos indígenas, grupos e instituições.

No caso do Edital de Mobilidade, é obrigatório o cadastro do perfil de agente individual (a pessoa física que será responsável pelo cadastro) e recomenda-se o cadastro do agente coletivo (a organização/grupo que a pessoa representa), embora isso não seja excludente. Aqui está uma instrução sobre como se registrar na plataforma: http://iberculturaviva.org/manual/?lang=es

.

Já participei de outro edital do IberCultura Viva através desta plataforma. Preciso me registrar novamente como agente?

Não é necessário. O campo “Registrarse” na página inicial do Mapa IberCultura Viva é utilizado apenas pela primeira vez. Nas vezes seguintes, terá de ir a “Ingresar” para poder acessar o seu perfil. (Nota: Pela primeira vez, ao se registrar, o/a agente é direcionado/a automaticamente para o perfil. Em seguida, será necessário clicar em “Editar” para acessar/alterar os dados cadastrais.)

.

Uma vez que o cadastro como agente na plataforma é preenchido, onde encontro a ficha de inscrição do concurso?

Quando tiver um perfil de agente cadastrado, vá até “Editais” (no topo da tela do Mapa IberCultura Viva) e procure o arquivo que aparece com o título “ Convocatoria de Movilidad/Edital de Mobilidade 2022”.  

Para iniciar seu cadastro, clique no campo de busca, localize o nome do agente individual/pessoa física que possui o cadastro (seu perfil de agente cadastrado anteriormente) e selecione “Realizar cadastro”. O formulário aparecerá imediatamente, primeiro em espanhol e depois em português. 

O sistema gera um “número de registro”, que deve ser fornecido sempre que você entrar em contato com o programa IberCultura Viva para obter qualquer informação sobre sua proposta.

Atenção: A qualquer momento é possível salvar os dados cadastrais utilizando o botão “Salvar” na margem superior direita. Feito isso, você pode sair da plataforma e continuar mais tarde, antes do final do período de registro. 

.

ENVIO

Como saber se a candidatura foi realmente enviada?

A candidatura só será enviada após o preenchimento de todos os campos obrigatórios do cadastro de agente e do formulário de inscrição do edital, incluindo os anexos obrigatórios. 

Caso o cadastro do agente na plataforma não tenha sido totalmente concluído, não será possível enviar seu cadastro. O sistema apresentará um alerta (um “!” vermelho que deve ser clicado para descobrir onde está o problema). Caso o erro tenha sido no cadastro do agente, será necessário acessar “Meu perfil” (clicando em seu nome ou foto de perfil) e editar seu cadastro, preenchendo todos os campos do formulário. 

Atenção: Verifique as informações antes de clicar em “Enviar inscrição”. Após o envio não será possível editá-lo. A plataforma exibirá uma confirmação do envio: a data e a hora do envio aparecerão na tela destacadas em verde.

.

SELEÇÃO

Quantas pessoas serão selecionadas?

O valor total destinado ao Edital de Mobilidade 2022 é de US$ 57,5 mil, que serão distribuídos para compra de passagens aéreas, seguro viagem e inscrição para os representantes das organizações ou grupos selecionados, além das despesas bancárias correspondentes à gestão dessas ações. A seleção deve contemplar a proporcionalidade dos recursos concedidos entre os países participantes, de acordo com o nível de participação e diversidade nacional.

.

Quais os critérios que serão levados em consideração na seleção?

Os critérios que serão levados em consideração na seleção são aqueles detalhados no regulamento do edital, como a trajetória da organização e da pessoa candidata em ações culturais comunitárias, e o histórico de participação em reuniões de redes culturais comunitárias. 

Mulheres, jovens (de 18 a 35 anos), afrodescendentes e indígenas terão dois pontos extras na avaliação, assim como pessoas que participarão com alguma apresentação no Congresso (isso deve ser confirmado por meio de uma carta do Grupo Impulsor do evento). Serão selecionadas as pessoas que obtiverem as maiores pontuações entre os/as candidatos/as de cada país.

.

No caso de eu ser uma das pessoas selecionadas no edital, o que receberei? 

As pessoas selecionadas nesta convocatória receberão passagens aéreas, seguro viagem e inscrição (Opção A). A inscrição inclui hospedagem, alimentação e traslados entre as cidades/distritos sedes do evento, a cargo dos organizadores do congresso. O programa não se responsabilizará pelos benefícios que serão fornecidos pela organização do congresso, como hospedagem, transporte ou alimentação. (Para mais informação, contacte a organização do congresso: cvccomunicacionespe@gmail.com)

.

As pessoas selecionadas terão que participar de todas as atividades do congresso?

As pessoas candidatas devem se comprometer a participar das atividades programadas durante todos os dias do congresso. Caso o IberCultura Viva programe atividades em conjunto com o 5º Congresso Latino-Americano de Cultura Viva Comunitária, a presença será obrigatória.

Além disso, as pessoas selecionadas devem fazer a prestação de contas em até 30 dias após seu retorno. Esta prestação deverá ser enviada por e-mail para programa@iberculturaviva.org, consistindo em: a) Relatório ou informe das atividades em que participou; b) Tíquetes de embarque; c) Realização de uma sessão de trabalho virtual e/ou presencial sobre a sua participação no congresso com a comunidade, organizações ou outros espaços onde o/a candidato/a atua. 

.

Confira o regulamento: https://bit.ly/3uFfBtT

Inscrições: https://mapa.iberculturaviva.org/oportunidade/224/

Como se inscrever no Mapa IberCultura Viva: http://iberculturaviva.org/manual/?lang = es

Mais informações sobre o congresso: https://bit.ly/3RoFEPM

Consultasprograma@iberculturaviva.org

.

(*) Texto atualizado em 26 de julho de 2022, após a extensão do prazo de inscrições do edital

Tags | , , ,