Image Image Image Image Image
Scroll to Top

Para o Topo

Notícias

11

Maio
2021

Em Notícias

IberCultura Viva participa de reunião da Mesa Regional de OCCs de Coquimbo, no Chile

Em 11, Maio 2021 | Em Notícias |

Como a pandemia Covid-19 redefiniu o espaço público? Na região de Coquimbo, no Chile, as pessoas têm se reunido nas praias para compartilhar atividades, as quadras agora estão cheias de pais com filhos, panelas comunitárias são cada vez mais vistas nos bairros… “O espaço público tem se reinventado”, comentou Mirna Veliz , representante da Agrupación Cultural Margot Loyola, de Tierras Blancas, no encontro virtual da Mesa Regional de Organizações Culturais Comunitárias (OCCs) de Coquimbo realizado na quinta-feira, 6 de maio.

A questão da emergência sanitária e suas reflexões sobre a convivência e o uso do espaço público foi levantada por Emiliano Fuentes Firmani, secretário técnico do IberCultura Viva, durante a reunião da Mesa Regional de OCCs, e comentada pelas participantes a partir da percepção que elas têm de seus bairros e arredores. São consultas como esta que norteiam algumas ações do programa, daí a importância que IberCultura Viva dá aos encontros com representantes de OCCs dos países membros.

Durante a sua participação neste encontro virtual -a convite de Maria Rosa Cortés Vergara, coordenadora do programa Red Cultura na região de Coquimbo-, Emiliano Fuentes Firmani explicou como funciona o IberCultura Viva, quais são os seus objetivos, comentou as reformulações que foram feitas no Plano Estratégico Trienal (PET 2021-2023), recentemente aprovado pelo Conselho Intergovernamental, e divulgou as convocatórias que serão realizadas em 2021. 

O secretário técnico destacou algumas novidades nas atividades do programa, como a inclusão de editais para projetos de inclusão digital comunitária, para a publicação de obras em línguas indígenas (traduzidas para o espanhol e português) e para o reconhecimento de portadores e experiências comunitárias na gestão do patrimônio cultural imaterial. Ele também falou sobre a intenção de promover capacitações de curta duração, a exemplo de um curso virtual sobre perspectiva de gênero e cultura comunitária.

Das 14 pessoas que participaram deste encontro, a maioria já tinha conhecimento do programa IberCultura Viva. Claudia Velasco Cornejo, da Corporación Cultural Gestores del Choapa, de Los Vilos, foi uma das bolsistas do Curso Internacional de Pós-Graduação em Políticas Culturais Comunitárias que o programa vem desenvolvendo com a FLACSO-Argentina desde 2018. Mirna Veliz, da Agrupación Cultural Margot Loyola, foi quem recebeu em Tierras Blancas o projeto “Ipadê – Encontros com Axé”, do Grupo Senzala Foz (Brasil), em um dos intercâmbios selecionados na convocatória Iber Entrelaçando Experiências em 2019.

Criada em 2017, a Mesa Regional de Coquimbo é composta por representantes de sete OCCs com perfis distintos, das comunas de Paihuano, Vicuña, Coquimbo e Los Vilos (localizadas nas regiões de pré-cordilheira, vale, zona urbana e litoral). Embora não sejam muitas em relação à representação territorial, essas organizações de Coquimbo são participativas e estabeleceram um trabalho colaborativo com o Estado, participando das diversas atividades propostas pelo programa Red Cultura na região.

Tags |