Image Image Image Image Image
Scroll to Top

Para o Topo.EPara o Topo

Notícias

14

nov
2021

Em Notícias

Artistas e grupos culturais periféricos de Costa Rica, Venezuela e Brasil se encontram no 3º Festival Internacional Comunitário

Em 14, nov 2021 | Em Notícias |

A terceira edição do Festival Internacional Comunitário (FIC) será realizada nos dias 27 e 28 de novembro, de modo virtual (via Zoom), como um espaço de formação, encontro e intercâmbio entre artistas e grupos culturais periféricos de Costa Rica, Venezuela e Brasil. 

O FIC é um espaço itinerante de diálogo onde se busca fortalecer o comunitário através do teatro social junto a comunidades segregadas pelo estigma da violência. A primeira edição do festival, em 2016, ocorreu na comunidade La Carpio, na Costa Rica. A segunda, em 2019, foi na sede do Grupo Iuna de Capoeira Angola, na comunidade de Alto Vera Cruz, na periferia de Belo Horizonte (Minas Gerais, Brasil).

Organizada de forma autogestionada, por coletivos que no dia a dia – e em suas respectivas localidades – se dedicam ao cuidado de espaços comunitários, esta terceira edição do festival é uma produção conjunta da Asociación Masaya (Costa Rica) e de dois grupos da cidade de Belo Horizonte: o Grupo Levante de Teatro del Oprimido e o grupo de teatro de mulheres negras Morro Encena. A participação da Venezuela se dá por meio da Rede Cecosesola, composta por mais de 50 organizações comunitárias.

A cada edição o festival recebe um subtítulo que fala de algo que os organizadores querem ressaltar. No primeiro FIC, na Costa Rica, onde conseguiram envolver mais de 500 pessoas de 12 nacionalidades distintas, o subtítulo foi “Convivendo sem fronteiras?!”. O segundo, “Convivendo em liberdade?!”, chegou a mais de 400 pessoas que fazem a vida em 15 organizações de diversos países. Este terceiro, que tem como subtítulo “Cultura Periférica”, contará com duas oficinas com tradução simultânea (espanhol-português) e um sarau, onde os grupos poderão compartilhar um pouco da arte e da cultura que desenvolvem em suas vidas. 

.

O que e quando? 

Sábado, 27 de novembro 

Oficina 1: Como facilitar aulas virtuais cativantes? (Asociación Masaya – Costa Rica) 

Das 12h às 14h (hora Brasil) / Das 9h às 11h (hora Costa Rica) 

.

Oficina 2: Introdução ao Teatro do Oprimido (Grupo Levante de Teatro do Oprimido – Brasil)

Das 17h às 19h (hora Brasil) / Das 14h às 16h (hora Costa Rica) 

.

Domingo, 28 de novembro 

Sarau (Peña cultural

Das 14h às 17h (hora Brasil) / Das 11h às 14h (hora Costa Rica) 

.

*Todas as atividades serão via Zoom. Haverá tradução espanhol-português. 

 

Saiba mais sobre o festival:

@FIComunitario (Instagram) y @FICFestivalInternacionalComunitario (Facebook) 

 

Consultas: ficomunitario@gmail.com

.

Leia também:

Encontros de alegrias: Pontos de Cultura da Costa Rica e do Brasil se unem em festival comunitário

Asociación Masaya: um mundo mais solidário através do teatro e do aprendizado cooperativo