Image Image Image Image Image
/ /
Scroll to Top

Para o Topo

Notícias

02

Mar
2018

EmNotícias

Mais de 200 pessoas participam do 4º Encontro Provincial de Cultura Viva Comunitária de Entre Rios, na Argentina

Em02, Mar 2018 | EmNotícias |

O 4° Encontro Provincial de Cultura Viva Comunitária de Entre Ríos foi realizado nos dias 24 e 25 de fevereiro, no município de Victoria (Entre Ríos, Argentina), com a presença de diversas organizações culturais e organismos oficiais. A Secretaria de Turismo e Cultura de Entre Ríos acompanhou e participou do encontro para consolidar redes e articular com diferentes setores culturais. Dentro desta Secretaria, está a Direção de Formação e Diversidade Cultural, que integra o Grupo de Trabalho de Governos Locais do Programa Ibercultura Viva.

A Cultura Viva Comunitária foi o marco para que mais de 200 pessoas, representando cerca de 130 organizações da cultura comunitária e áreas estatais se reunissem durante dois dias para debater as necessidades e os desafios da Cultura Comunitária em Entre Ríos. Entre os presentes estavam Diego Benhabib, coordenador dos Pontos de Cultura da Argentina e ponto focal do IberCultura Viva na Argentina, e Rosario Lucesole, consultora de projetos do programa. Cabe destacar que também participaram da iniciativa organizações de Santa Fé.

O encontro foi a expressão da diversidade, já que se reuniram muitos coletivos para desenhar e projetar políticas culturais em comum. Segundo as conclusões, no futuro observam-se linhas de trabalho importantes para o desenvolvimento cultural na articulação com distintos setores.

Diego Benhabib e Federico Prieto durante o encontro provincial em Victoria

Entre as várias conversas sobre a importância e os desafios da Cultura Comunitária, nas quais participaram referências nacionais e provinciais do Movimento de Cultura Viva Comunitária —como María Emilia De la Iglesia, Alberto Ingold e Soledad Ferrería–, foi realizado um debate entre as organizações a respeito de temas relacionados a gestão e organização cultural. Carolina Gaillard, secretária de Turismo e Cultura de Entre Ríos, e Federico Prieto, diretor de Formação e Diversidade Cultural de Entre Ríos, escutaram as demandas e inquietudes das organizações e se comprometeram a acompanhar um projeto de lei de Cultura Comunitária que surja a partir do movimento.

“É importante que desde o governo possamos garantir certas estruturas para que os fazedores culturais possam levar adiante suas tarefas e objetivos. Assim como dar acompanhamento aos processos culturais que tentam transformar as realidades territoriais e sociais é uma das missões da Secretaria de Turismo e Cultura”, comentou Prieto.

O Encontro de Cultura Viva também saiu às ruas de Victoria para compartilhar com a comunidade. Depois de oficinas, fóruns e plenárias, também foram realizadas intervenções artísticas, rádio abierta e “llamada” de tambores no Balneário Municipal, com o objetivo de apresentar as experiências comunitárias que se dão em diferentes cidades da província.

Texto: Dirección de Formación y Diversidad Cultural de Entre Ríos

Fotos: Movimiento Cultura Viva Comunitaria ER

Tags |